Super Banner

terça-feira, 27 de outubro de 2015

Assistimos: A Possessão do Mal

Chegando o Halloween vem uma enxurrada de filmes de terror, e no começo da temporada deste ano estreou no Brasil A Possessão do Mal, mais um Thriller de possessão demoníaca!

Conferimos este filme e vamos fazer nossa crítica aqui sem spoilers para não estragar a experiência de quem não viu ainda. Para poder conferir mais detalhes do enredo do filme assista ao vídeo no fim da postagem.

A Possessão do Mal chega aos cinemas brasileiros com muito atraso em relação ao resto do mundo, mas mesmo assim ainda é um título que vale a pena assistir se você estiver no clima de tomar uns sustos naquela noite escura e cheia de terrores!

Big brother demoníaco é tema do filme A Possessão do Mal
O roteiro do filme é muito básico e previsível, personagens caricatos e um demônio maligno que tentará de todas as maneiras atazanar seu hospedeiro. Tais elementos são encontrados em vários títulos famosos como o Exorcista, Atividade Paranormal, Brixas de Blair entre outros, o que não faz do filme uma obra muito original por reunir tantos clichês no mesmo lugar.

Esse lugar comum do filme é visto em diversos pontos, como a casa onde ocorrem os eventos, atitudes dos personagens e o fraquíssimo elenco de apoio. Apesar de ser uma produção relativamente simples e barata, o esforço de tornar o filme interessante é notável, pois as cenas assustadoras em si são baseadas em efeitos sonoros de explodir os ouvidos e cenas aflitivas dos mais variados gêneros.

A Possessão do Mal se baseia em cenas aflitivas e câmeras em primeira pessoa
Podemos dizer que nossa experiência foi mais interessante por estarmos em uma sala de cinema, com uma ótima tela e um som de alta qualidade, caso contrário o filme seria mais um filme de temática de possessão que entra para a coleção quase infinita de títulos dos gêneros. Filmes de temática parecida como Os Escolhidos envolve muito mais o espectador pelo enredo do que A Possessão do Mal.

De qualquer maneira, confira nossas notas para o filme:

Pedro - 6,5 (Pois o fato de ver no cinema alterou a experiencia drasticamente, caso contrario 4,5)
Catarina - 6,5 (Dá uns sustos por causa do som alto mas não é nada fantástico)

Confira nossa crítica em vídeo com spoilers do filme!